Tomo XXXIII-2

 

 

Teoria e Técnica Psicanalíticas

A chamada pulsão de morte, uma força indispensável a toda e qualquer vida subjetiva (219)
Bernard Penot

Confi gurações de tempo, corpo e comunicação verbal: a temporalidade em pacientes que expressam seu sofrimento por meio do corpo (241)
José Eduardo Fischbein

O instinto de morte e a dimensão mental além do princípio do prazer nos trabalhos de Spielrein e Freud (259)
Fátima Caropreso

História da Psicanálise

O nome de Piggle: novo exame do caso clássico de Winnicott à luz de algumas conversas com a “Gabrielle” adulta (281)
Deborah Anna Luepnitz

“Nosso jardim da memória está em outro lugar”: narrativas de separação pela visão dos pacientes de Freud (307)
Anat Tzurt Mahalel

Educação e Questões Profissionais

Contratransferências e interferências em supervisão na avaliação da prontidão de candidatos para qualificação: sempre presentes, em geral pouco reconhecidas (327)
Lena Theodorou Ehrlich et al.